Lisboa

Mais de 400 propostas do Orçamento Participativo começam a ser votadas hoje

01 | 09 | 2011   09.37H

A votação de 421 propostas apresentadas por cidadãos no âmbito do Orçamento Participativo 2011/2012 da Câmara de Lisboa inicia-se hoje online e dura todo o mês de setembro para escolher os projetos que vão ser concretizados na cidade.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

Depois de terem passado os últimos quatro meses a analisar um total de 808 propostas de residentes e não residentes em Lisboa, os serviços municipais reduziram para 421 o número de projetos sujeitos a votos.

A partir de hoje a votação decorre online por inscrição no website www.lisboaparticipa.pt, “através do computador pessoal de cada participante ou com o apoio de postos de atendimento municipais e de juntas de freguesia”. Segundo informação da autarquia, vão também decorrer assembleias de votos em diferentes locais da cidade.

Como nos anos anteriores, será afeta uma verba de cinco milhões de euros (a integrar o orçamento camarário de 2012) para os projetos mais votados, mas cada projeto não pode custar mais de um milhão.

Ações de sensibilização, parques infantis, recuperação de pavimentos, casas mortuárias, lares de idosos, infantários, reabilitação de património, limpezas de espaços públicos, ciclovias, mercados e bibliotecas municipais são algumas das propostas que mais vezes foram sugeridas pelos cidadãos.

Há também propostas que sugerem a criação de teatros e universidades seniores, residências de estudantes, depósitos da água da chuva para a limpeza de ruas, estúdios criativos ou ainda redes wireless em espaços verdes.

Os cidadãos apelam ainda, por exemplo, à criação de pólos de desempregados para troca de ideias ou a criação de uma plataforma agregadora dos recursos disponíveis da cidade (Smart Lisbon – Last Minute), bem como a transformação de habitação devoluta em habitações temporárias.

Nesta quarta edição da iniciativa (2011/2012), a autarquia incluiu uma nova vertente – o Orçamento Participativo Escolar, um projeto-piloto com cerca de uma centena de alunos do oitavo ano da Escola EB 2,3 de Marvila.

Foi o projeto de um campo de paintball, num valor de 50 mil euros, o mais votado entre 16 projetos apresentadas no OP Escolar.

Saiba mais sobre:
Foto: DR
Mais de 400 propostas do Orçamento Participativo começam a ser votadas hoje | © DR
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE