PUBLICIDADE
Brasil

Parada do Orgulho LGBT reúne milhares em Copacabana para pedir fim da discriminação

09 | 10 | 2011   21.44H

A 16.ª Parada do Orgulho LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgéneros) do Rio de Janeiro reúne hoje milhares de pessoas na orla da praia de Copacabana que pedem o fim da discriminação e a criminalização da homofobia.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

"Muitas pessoas criticam dizendo que a parada virou carnaval, pelo fato de alguns virem fantasiados. Mas é uma maneira de darmos visibilidade ao movimento. Se não fosse assim, não haveria essa divulgação pelo mundo inteiro", afirmou à Lusa o travesti Silvino Pereira, coordenador de projetos sociais.

Vestido com uma fantasia que ele próprio batizou como "Arco-íris da Paz", Silvino lembrou que a parada deste ano tem como lema "Somos todos iguais perante a paz - Toda forma de violência deve ser crime" e pretende chamar a atenção da sociedade para a necessidade de se criminalizar os atos de homofobia.

"Tudo é muito devagar [as mudanças]. Mas é bom ver as coisas caminhando, mesmo aos poucos. Já tivemos conquistas importantes como o direito a frequentar motéis e demonstrar carinho em locais públicos como bares, por exemplo", lembra Silvino, que trabalha como coordenador de projetos sociais.

O casal de alemães Carsten e Jean Claude vieram de Habsburgo especialmente para participar na parada. Também fantasiados, observaram que o movimento brasileiro é mais "politizado" do que o da Europa, mas opinaram que isso não é problema.

"Aqui estou sentindo que o movimento é mais politico, segue uma orientação mais direta, de como deve ser, que trajeto percorrer. Mas isso não é um problema, só é um pouco diferente do que estamos acostumados na Parada da Europa", comentou.

Sobre o primeiro dos 15 carros de som que ajudaram a animar o evento, com musica eletrónica e balões de ar nas cores do arco-íris, políticos como o primeiro deputado a assumir-se publicamente homossexual, Jean Wyllys, e representantes da Secretaria dos Direitos Humanos do governo federal, falaram ao público antes do início da caminhada.

Mais adiante, um grupo de jovens homossexuais cristãos carregava cartazes a defender o direito de ser gay e frequentar a igreja "sem máscaras".

"Eu tenho o direito de ser gay e ser cristão", e ainda "Sou gay e pela graça de Deus sou o que sou", pregavam em grandes faixas.

Além das pessoas diretamente envolvidas na causa, centenas de simpatizantes aderiram ao desfile com faixas e bandeiras de arco-íris. "É a segunda vez que venho e venho porque gosto do ambiente, dá para ver todo mundo feliz. Não sou gay, mas não tenho preconceito contra nada", disse o estudante Bryan Pinheiro, de 19 anos.

A expetativa é de que a parada, que ainda percorrerá toda a avenida da praia, em Copacabana, reúna cerca de 1,5 milhão de pessoas.

Paralelamente ao evento ocorrem campanhas para consciencialização com a distribuição de 500 mil preservativos grátis e folhetos explicativos sobre doenças sexualmente transmissíveis.

4 comentários

  • NÃO SEJAS ASSIM, AC, AINDA TE VÃO POR UM FOGUETÃO NO CÚ A TI,E NÃO UMA BOMBA ,. DEIXA-OS LEVAR ONDE QUISEREM, OU DOÍ-TE A TI , ...TEM CALMA ! VIVE E DEIXA VIVER ! PARA QUÊ VIOLÊNCIA ? HA,
    JUSTIÇA E LIBERDADE | 11.10.2011 | 00.07Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • MORTE AOS PANASCAS CARALHO. UM HOMEM FOI FEITO PARA COMER RATAS E NÃO CÚS!!!!!! RAIS PARTA OS PARASITAS, PANALEIROS DO CARALHO E AINDA FAZEM PARADAS A DIZER QUE TEM ORGULHO EM SER BICHAS...... PANELEIROS DO CARALHO... ALGUEM QUE PUSESSE UMA BOMBA NO FILHA DA PUTA DO DESFILE.....
    anticristo | 10.10.2011 | 23.20Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Porque a ordem é esta? Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgéneros... segundo a ordem alfabética deveria de ser: Bissexuais, Gays, Lésbicas, Transgéneros, Transexuais, Travestis isto prova que este movimento é sexista, colocou as mulheres em primeiro porque sim... se são preconceituosos e tendenciosos porque exigem pureza à população? porque a população não pode ser preconceituosa e eles podem?
    Charles | 10.10.2011 | 08.06Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Assim sendo a População do ;imdo descerá a passos largos... Peçamos a quem pode...que aceite fazer estudos Cientificos para que pos panascas possam parir mesmo que seja pelo mesmo sitio que usam... Tal como as mulheres... TVI; Aquela velhota platinada está com uma cachola do caraças... O despeito é phodido...? Porque é que esta chachada velha e de aspecto assim meio tal e tal..., não vai para a reforma...?
    Chuchapitos | 09.10.2011 | 22.03Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE