PUBLICIDADE
Paquistão

Primeiro-ministro acusado por desrespeito a ordem judicial para averiguar corrupção do Presidente

13 | 02 | 2012   06.00H

O Tribunal Supremo acusou hoje formalmente o primeiro-ministro do Paquistão por desobediência devido à recusa do governo, durante dois anos, de pedir à Suíça a reabertura de um processo judicial por alegado desvio de fundos pelo presidente Asif Ali Zardari.

A televisão nacional PTV informou que o tribunal leu formalmente as acusações ao primeiro-ministro Yousuf Raza Gilani, que enfrenta seis meses de prisão se for condenado.

O político não está implicado no caso das "contas suíças" de Zardari, mas é acusado de desobediência ao Supremo Tribunal, por não ter cumprido uma ordem de 2009 de pedir à Suíça a reabertura de um inquérito que envolvia o chefe de estado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE