Concertação Social

UGT confiante no cumprimento do acordo após reunião com primeiro-ministro

23 | 04 | 2012   20.41H

O secretário-geral da UGT, João Proença, assumiu hoje que não está arrependido por ter celebrado o acordo tripartido e mostrou-se confiante que o Executivo irá cumprir o compromisso, apesar das críticas feitas perante o atraso da implementação das medidas.

"Não, não estou arrependido, mas ficarei se tiver de denunciá-lo [o Compromisso para o Crescimento, a Competitividade e o Emprego]", afirmou João Proença aos jornalistas depois de um encontro de três horas e meia com o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, em São Bento.

Apesar das críticas deixadas pelo secretário-geral da UGT perante o facto de três meses após a celebração do acordo a maioria das medidas estarem por implementar, o sindicalista saiu satisfeito da reunião, que contou também com a presença do ministro da Economia e do Emprego, Álvaro Santos Pereira.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Pois é . . . ! Fia-te na "virgem" . . . ! E não corras . . . ! Depois não digas que . . . ! A "malguinha" . . . ! Foi "usurpada" . . . ! ! !
    alexandre barreira | 23.04.2012 | 21.02Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE