PUBLICIDADE
Birmânia

Suu Kyi decidiu prestar juramento no Parlamento

30 | 04 | 2012   06.37H

A líder da oposição birmanesa, Aung San Suu Kyi, anunciou hoje que vai prestar juramento no Parlamento para assumir o lugar de deputada para o qual foi eleita este mês, depois de ter boicotado a sessão inaugural da câmara.

A Nobel da Paz disse aos jornalistas na sede do seu partido, a Liga Nacional para a Democracia, em Rangum, que vai prestar juramento em linha com "o desejo do povo" e que irá, com os restantes membros do seu partido eleitos, deslocar-se ao Parlamento, pela primeira vez, na quarta-feira, sem especificar como foi resolvido o braço de ferro com o Governo.

Suu Kyi e os outros 36 membros do seu partido eleitos boicotaram a sessão inaugural do Parlamento birmanês por discordarem do juramento que os obriga a "salvaguardar" a Constituição, promulgada em 2010 e redigida pela junta militar, já dissolvida, e pediram, sem sucesso, que as palavras fossem alteradas para "respeito" à Constituição.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE