Desemprego

Construção e imobiliário perderam mais de 400 empregos por dia no primeiro trimestre

16 | 05 | 2012   16.39H

A construção e o imobiliário perderam 38.300 postos de trabalho no primeiro trimestre deste ano, o que representa a eliminação diária, em média, de mais de 400 empregos, segundo cálculos da confederação do setor.


Num comentário aos dados do desemprego, hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), a Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário (CPCI) diz que os números "refletem a total ausência de soluções capazes de dinamizar a atividade".


A estrutura liderada por Reis Campos afirma, em comunicado, que, "apesar de somar já mais de dez anos consecutivos de crise, com uma perda, desde 2002, de mais de 320 mil efetivos, [o setor da construção e do imobiliário] vê a sua situação agravar-se de dia para dia".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE