Trabalho

CGTP vai pedir a Cavaco Silva que não promulgue nova legislação laboral

21 | 05 | 2012   21.14H

A CGTP vai pedir ao Presidente da República que não promulgue a revisão do Código do Trabalho sob pena de contribuir para o aumento do desemprego e pactuar com inconstitucionalidades.

"O combate ao desemprego é uma prioridade nacional, por isso entendemos que o Presidente da República não deve promulgar o Código do Trabalho. Se o fizer será corresponsável pelo aumento do desemprego e pela facilitação dos despedimentos e porá em causa princípios constitucionais", disse o secretário-geral da Intersindical, Arménio Carlos, em conferência de imprensa.

A central sindical já pediu uma reunião a Cavaco Silva para lhe explicar os motivos do pedido e alertá-lo para a necessidade de respeitar o princípio do trabalho digno definido pela OIT.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

3 comentários

  • Afinal quem anda a denunciar os comentários ainda é pior do que eu julgava.Só lhe posso resar pela alma. PN.AM.
    RODAVLAS | 22.05.2012 | 03.15Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Quem foi o palerma,"isto é para não lhe chamar o nome que êle merece",que denunciou o meu comentário a esta notìcia e não denunciou o meu outro comentário à notícia que vem a seguir? Tenho pena dele.Coitado,não passa dum "parasita".
    RODAVLAS | 22.05.2012 | 00.17Hver comentário denunciado
  • Tenho 95 anos e durante a minha longa vida de trabalho,nunca vi um patrão despedir só pelo prazer de despedir.Os motivos eram em geral ou "incompetência" ou "mau colega de trabalho".Temos que ter em atenção que uma empresa,não é uma casa de proteção mas sim uma unidade de rendimento.É desse rendimento que sai o nosso salário.
    RODAVLAS | 21.05.2012 | 22.48Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Sons no Largo do Intendente