Secretas

"Investigação inaceitável" a Balsemão causa "perplexidade e incómodo" -- Moreira da Silva (PSD)

29 | 05 | 2012   20.27H

O coordenador da Comissão Política do PSD considerou hoje que Francisco Pinto Balsemão foi alvo de uma "investigação inaceitável" que causa "perplexidade e incómodo" e que "terá de ser abordada no âmbito da justiça e da fiscalização dos serviços" de informações.

Jorge Moreira da Silva, que falava em conferência de imprensa, na sede nacional do PSD, em Lisboa, referia-se ao relatório que, segundo notícias divulgadas pela comunicação social, o ex-diretor do Serviço de Informações Estratégicas de Defesa (SIED) e atual quadro da Ongoing Jorge Silva Carvalho mandou fazer sobre a vida privada do presidente do grupo Impresa e fundador do PSD, Francisco Pinto Balsemão, e consta do chamado processo das secretas.

"É óbvio que a circunstância de o doutor Francisco Pinto Balsemão ter sido alvo de uma investigação inaceitável nos causa a todos perplexidade e incómodo, mas essa é uma matéria que terá de ser abordada no âmbito da justiça e no âmbito da fiscalização do serviços", afirmou o coordenador da Comissão Política do PSD.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE