Desemprego

CGTP quer compromisso das empresas apoiadas por programa de emprego jovem

06 | 06 | 2012   20.14H

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, defendeu hoje que as empresas que venham a receber apoios do Estado para contratar jovens desempregados devem comprometer-se a dar emprego efetivo a uma parte deles.

"Se há investimento ele tem de ter retorno. As empresas têm de comprometer-se a dar emprego efetivo a um número significativo dos jovens que vão contratar. Mas o que temos é o financiamento às empresas que contratem a prazo jovens desempregados, sem quaisquer contrapartidas", disse Arménio Carlos à agência Lusa.

O Conselho de Ministros aprovou hoje o programa "Impulso Jovem" que possui um fundo superior a 344 milhões de euros, que vai abranger 90 mil jovens, e que incluirá estágios profissionais, apoios à contratação e à formação.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE