PUBLICIDADE
Música

José Castelo Branco em estreia discográfica

25 | 07 | 2008   09.29H

Antes do lançamento em Setembro do CD single de cinco temas, em complemento de uma revista cor-de-rosa, e da revelação da totalidade das doze canções que compõem o álbum, nos escaparates nacionais em Outubro, José Castelo Branco apresenta esta noite, com a devida pompa e circunstância, aquela que é a sua estreia discográfica.

A festa, a realizar no terraço do Clube Bela Cruz, no Porto, na presença de 150 convidados VIP compulsivamente vestidos de branco, é o corolário de largos meses de ensaios e gravações.

Com a excentricidade que lhe é habitual, o evento prevê que o marchand de arte especialista em reality shows saia de helicóptero do Hotel Sheraton para aterrar no clube, onde mostrará os seus dotes vocais secundado por uma banda e duas bailarinas.

«Vai ser um grande momento, numa grande noite de festa. Não estou nada nervoso com o espectáculo. Afinal, nasci para isto e estou sempre maravilhoso», garante. Palavras para quê, é um artista português.

In The City é o título do single de avanço deste trabalho discográfico, nesta noite disponível para compra (em troca de cinco euros), numa edição limitada autografada pelo cantor.

O evento tem ainda o condão de marcar a estreia de David Motta, filho de Maria das Dores, nas artes das relações públicas.

Vera Valadas Ferreira | vferreira@destak.pt

42 comentários

  • Pessoalmente, a imprensa é que fica como culpada de aparecer estas figuras nas nossas vidas... Quem é este JCB? O nome dele é mesmo esse? Façam a pergunta a quem sabe...
    joao santos de sousa | 07.12.2008 | 18.33Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Ana Batalha, adorei ler as suas intervençoes sobre José Castelo Branco e a maneira como o defende das "más pessoas"; concordo inteiramente consigo. Os meus Parabéns.
    Marília Gonçalves | 30.11.2008 | 00.19Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Arre gaita...tanta arma ilegal por esse país fora e ninguém tem uma pa meter no rabiosque e já agora na goela desta "coisa ambulante"?Volta, Zé Cabra, estás perdoado!!!!
    Yuuuuuckkk | 09.09.2008 | 14.55H
  • ze eskesces do tempo k andavas la pro principe real mais propriamente no memorial ou no finalmente nao estas eskecido pois nao foste dakelos k tiveram sorte nao foi e pena k so agora e k assumiste o k es o resto e festice
    joel broncas | 03.09.2008 | 22.09H
  • Em resposta a Ana: concordo que José Castelo Branco não seja propriamente uma referência cultural contudo, discordo quando refere que ele tira lugar a bons artistas. A falta de reconhecimento e de incentivo aos bons artistas portugueses é culpa da forma como no nosso país, têm sido geridos os domínios da educação e da cultura pois, penso que, numa sociedade em que as políticas no domínio da educação, da saúde e da cultura, em geral, são de uma mediocridade de "bradar aos céus", às quais se acresce um povo cuja mentalidade tende a ser, cada vez mais conformista, sem espírito combativo, que continua preso a antigos medos quando toca a exercer o papel de cidadão numa sociedade que se quer livre e democrática, não admira que certos "talentos" possam aparecer nas "luzes da ribalta". Portanto, esses não tiram o lugar aos melhores, nós é que lhes damos espaço para se "chegar, ver e vencer"! Gostaria de deixar bem claro que o meu anterior comentário aos que tanto criticam José Castelo Branco, nada tem que ver com qualquer admiração pela postura que aquele, pelo menos aparentemente, assume perante a vida. Apenas quis salientar que com essa abundância de críticas, também se corre o risco de cair na superficialidade que se lhe atribui. Agora, que do ponto de vista estético, lhe continuo a tirar o chapéu, ai isso sim!
    Ana Batalha | 22.08.2008 | 14.08H
  • eu julgo que a Ana Batalha está a perder um pouco da questao. Tudo bem que o sr Castelo Branco é muito atacado na maior parte do tempo e talvez, em muitos dos casos, pelas razoes que a Ana referiu, mas, a partir do momento em que ele interfere na nossa cultura (ao tirar lugar a tantos e tantos bons artistas) com todas essas manias que tem, acho que sim, já é caso pra criticar.
    Ana | 19.08.2008 | 15.26H
  • Não sei se vale a pena comentar. Afinal, palavras para quê ? Trata-se de um Pane português vindo de Lisboa gozar com as pessoas do Porto... E muito admirado fico pela aceitação que lhe dá a Ana Batalha!.... Olhe que lhe ficou muito mal... e a ajuizam bem peor. Tudo tem limites, até o sexo
    KIMBA | 12.08.2008 | 23.15H
  • Relativamente aos mais variados comentários perjorativos que se fazem a José Castelo Branco, considero que, todos eles pecam por usarem o argumento "ad hominem", leia-se, argumentos que primam por "atacar" os outros a partir de características pessoais . Isso, só pode ser resultado de diversas fragilidades das pessoas que os fazem, as quais, passo a enumerar: a) falta de educação, por se meterem na vida dos outros; b) incoerência porque, para o poderem criticar, é sinal que dedicam, pelo menos, algum do seu tempo, a acompanhar o que veste ou faz (porque se não estivessem atentos, como poderiam criticá-lo?!); c) muita inveja: por parte dos homens porque muitos gostariam de fazer o "vistão" que ele faz. Não acho que seja relevante se inclui também na sua indumentária, roupas ou adornos tradicionalmente associados à "mulher" - não vejo aqui nenhum problema, pois muitos desses homens que o criticam, também usam certos adornos que, em tempos só as mulheres usavam!... Portanto, meus meninos invejosos, tenham a capacidade de se abstrairem dos preconceitos que vos ocupam o espírito e admitam que o rapaz é uma ESTAMPA (de homem!), que tem um bom gosto inquestionável e que, por isso, exala sentido estético por todos os poros! Quanto às mulheres, a inveja é fruto de constatarem que, mesmo que se cubram de adornos tipicamente femininos (...), muitas delas nunca lhe chegarão aos calcanhares (aliás, mulher segura de si não perde tempo a criticar a forma como José Castelo Branco ou quem quer que seja, se apresenta). Assim, apenas me resta enviar o seguinte recado para todos os que se incluirem na casta dos mal educados e invejosos em relação ao ser humano José Castelo Branco (sim, porque é isso que apenas interessa): preocupem-se com aquelas figuras da nossa sociedade que, pelo menos aparentemente, seguem a norma, mas cujas decisões, devido ao seu estatuto social e político, põem em causa a possibilidade de uma sociedade onde a liberdade e a justiça social impere. Que eu saiba, José Castelo Branco, com a sua forma de estar ou viver, não tem contribuido ou impedido a resolução dos verdadeiros problemas que a sociedade portuguesa (e outras), enfrentam. Portanto, deixem José Castelo Branco em paz e preocupem-se antes, com o que pode ser feito para melhorar a Humanidade! E ainda, especialmente para os que se roem de inveja daquela "estampa de homem", convençam-se de que há coisas que são inatas, ou se tem ou, não se adquire seja por que meios forem. E é isto que Castelo Branco tem de sobra! Só mais uma para irritar ainda mais: não tenho a mínima dúvida de que José Castelo Branco faria o mesmo brilharete produzido com roupas, calçado e acessórios adquiridos nas feiras do Relógio, Carcavelos ou Malveira, e outras afins, com produtos de maquilhagem de uma qualquer loja de chinês ou dos trezentos!
    Ana Batalha | 08.08.2008 | 17.11H
  • Eu, desde que um sr. arquitecto mudou o canal de Tv (eu estava a ver um documentário da National Geographic) para ver o BB, já nem digo nada... Cada qual escolhe o que quer consumir... Ninguém é obrigado a comprar...
    hybrid-lettuce | 07.08.2008 | 09.55H
  • Ao que é que nós chegamos...produto higiénico...está bem.... Portugal não merece mais...e depois criticam os nossos políticos...o Povo o que quer é farra...
    Afonso Alves | 04.08.2008 | 20.03H
  • eu sinceramente nao entendo como é que ha pessoas que aceitam um lançamento destes. musica é cultura e nao sei como é que com tanta boa musica que por aí anda se aceita que ISTO marque a nossa cultura. o senhor jose castelo branco nao passa de uma criança em ponto grande que apenas quer atençao pelos seus SUPOSTOS grandes feitos, que como se pode ver nao sao la grande coisa. nao tenho nada contra as opçoes dele, mas tambem nao vejo porque é que tenho que ser bombardeada com o exibicionismo, egoismo, egocentrismo e clara falta de auto-estima disfarçada deste homem. mas tudo bem, ele quer atençao e o povo portugues espetaculo.
    ana | 04.08.2008 | 04.50H
  • Querida Ana Paula, quem foi o irmão do JCB que foi ministro? Confsso que eu não sei e gostaria de saber...
    CURIOSA | 03.08.2008 | 22.18H
  • não conheço senhor josé para o julgar, mas no entanto andar de saltos altos, pintar as unhas, pintar os olhos, batom e outras coisas, ao aparecer na tv dá muito mau aspecto. penso que ele que seja o que é mas com classe. tal como ele diz.
    **** | 01.08.2008 | 16.59H
  • deixem-me rir, gosta do homem porque nasceu na mesma terra que ela, oh please... se fosse o pior dos assassinos, psicopata, etc... que tivesse nascido na terra dela, também iria gostar assim tanto dele????? oh gentinha!!!
    VM | 01.08.2008 | 13.15H
  • Gosto de si porque nasceu onde nasci e sempre que o ouço divirto-me, faz-me rir. Bem haja, muitos parabéns e muitas, muitas FELICIDADES, SEMPRE.
    Isabel Alves Roçadas | 31.07.2008 | 15.10H
  • 30.07.2008 | 12.42Hcomentário reprovado
  • Quem tem dinheiro , tem tudo... Até voz para "cantar", lhe arranjaram assim de repente.
    Trituradeira | 29.07.2008 | 15.10H
  • 29.07.2008 | 13.05Hcomentário reprovado
  • O José Castelo Branco, só lança um CD, porque realmente tem pessoas que o consomem, que vão ficar contentes de o poder ver ainda mais, os que não gostam não têm de o ver, só acho é que existe por ai muitas pessoas que criticam, porque no fundo gostavam de ser um JCB
    teles | 29.07.2008 | 09.40H
  • Parabénssssssss!!!!!!!!! Você realmente é um ser Humano. Agradeço os momentos de graça que nos dá.
    Esteves | 29.07.2008 | 08.43H
  • para a KATI: fale por si, porque eu não consigo achar a minima piada ao JCB e caso não saiba há muitos mais JCB nesse País. Basta ir a um qualquer bar frequentado por DRAG QUEENS e verá muitos JCB e garanto que tambem verá com muita mais piada e com muita mais classe que esse JCB.
    carlalx | 29.07.2008 | 08.32H
  • ... gostava de o ver no Dança Comigo com o Jardim... são dois "fofos" (mon dieu...)
    Maria Albertina | 28.07.2008 | 16.17H
  • Então cante, VICTORIA!!! De que está há espera? :)
    anónimo | 28.07.2008 | 14.38H
  • para mim este senhor além de ridiculo não canta nada... porque gravar em estúdio sai tudo muito bem e bonito, agora peçam-lhe para cantar, sem playback e só com a sua "bonita" voz para ver o que ele canta!! provavelmente nada... assim todos nós podemos cantar, ora bolas.
    victoria | 28.07.2008 | 13.58H
  • O que é triste neste país não é existirem Josés Castelo Branco. O que é muito triste é neste país não existirem outros melhores do que estes. O pecado está na falta de melhor, e não no mau que se tem.
    anónimo | 28.07.2008 | 11.35H
  • A mim parece-me que a criatura tem todo o direito de lançar um CD e de o fazer como acha e como gosta e rodeado de quem a admira. Pela estranha exuberância (que a mim me parece ridícula) também considero que é assunto que merece uma pequena notícia no DESTAK. O que me espanta é poder ler aqui comentários agressivos e insultuosos de comentadores que noutras notícias falam de política, de ordem social, de como deveria ser, etc. Na verdade, o que isso para mim quer dizer é que muitos desses comentadores andam simplesmente por aqui à procura de alguém para insultar, senão uns aos outros, e pouco mais. Classificações coladas a cuspo e à pressa como 'extremas-direitas' ou 'extremas-esquerdas' são somente formas de se rotularem uns aos outros para melhor definirem a batalha campal. A qual é basicamente fútil e a população do país não está para aturar.
    ANONIM0 | 28.07.2008 | 11.32H
  • Tanta gente invejosa...Sou mulher em toda a acepção da palavra, e nao entendo o porquê , de tanta anumosidade contra um figura portuguesa , que tanto nos diverte e nos proporciona agradaveir momentos ... mas enfim Ha quem seja mais feliz com as politicas desenhadas por Socrates e Teixeira sod Santos.Viva Zé, continue porque os cães ladram e a caravana passa. Boa sorte para o o seu CD.
    kati | 28.07.2008 | 10.34H
  • 27.07.2008 | 19.29Hcomentário reprovado
  • 27.07.2008 | 15.16Hcomentário reprovado
  • 27.07.2008 | 14.37Hcomentário reprovado
  • Numa só palavra ... Portugal ...
    ... | 27.07.2008 | 14.12H
  • es feio paralo e não sabes cantar
    sonia | 27.07.2008 | 12.42H
  • se fosse assumido porque é que casou?perante o dinheiro não há gay que se assuma .mas tiro-lhe o chapéu pois consegue atravez da sua esperteza gayosa,fazer o que muita gente com verdadeiro talento(mas sem padrinhos) não consegue.
    bichocarapinteiro | 27.07.2008 | 12.24H
  • ATÉ K ENFIM 1 GAJO ASSUMIDO NÃO É COMO O sOCRATES E OUTROS DO GÉNERO K ATÉ INVENTAM NAMORADAS!!1PRA ESSES GAJOS É K O POVO NÃO TEM MAIS PAXORRA!FORÇA ZÉ!!
    daste bem-régua | 26.07.2008 | 15.36H
  • Sorteeeee!!! Que mediocres somos!! È preciso ser muito Homem para se ser como você é. Admiro-o por esse alto astral, por gostar do belo, por ser esse ser humano!! Esta gente nem sabe quem você é. Nem sabem que você tem um irmão que já foi Ministro. Informe isto a Nuno Graciano e à Rita... diga-lhes que o seu irmão tb foi Ministro e além de Ministro um homem muito inteligente. Um Beijo e boa sorte
    ana paula | 26.07.2008 | 13.56H
  • So mesmo em Portugal é que temos lixo genético a cantar. Canta mal, fala mal inglês, e ainda grava um disco. Reflecte o estado da cultura portuguesa.. a miséria A culpa é só nossa, pois os portugueses é que vão comprar e dar visibilidade a este "suposto" artista.
    JC | 25.07.2008 | 18.04H
  • Eu acho-lhe muita piada, e acho que faz muito bem em lançar um CD. As pessoas devem fazer aquilo que as faz sentir bem e é o que ele está a fazer, por isso... Boa sorte :P
    Sofia | 25.07.2008 | 16.40H
  • é começar a juntar tomates para presentear este artista.
    quinta da fonte | 25.07.2008 | 14.17H
  • Ainda há gente a adorar divertir-se (e gastar assim o seu tempo) com estas grandes palhaçadas. Haja dinheiro.
    anónimo | 25.07.2008 | 12.50H
  • Parece impossível que coisas destas sejam notícia... este tipo devia estar preso... mas a pão e água, para ver se desaparecia de uma vez!... não tarda que o vamos ver a deputado! qual o partido!... ele sabe que no meu não tem lugar!
    Adérito Machado - Rio Tinto | 25.07.2008 | 12.25H
  • 25.07.2008 | 12.05Hcomentário reprovado
  • Só cá em Portugal é que temos raridades destas. Apoio a candidatura do bi...a a Presidente da Républica
    anónimo | 25.07.2008 | 12.03H
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE