PUBLICIDADE
Coreia do Norte

Cerca de 750 refugiados chegaram ao sul no primeiro semestre

03 | 08 | 2012   06.46H

Um total de 751 refugiados norte-coreanos chegaram à Coreia do Sul no primeiro semestre do ano, menos de metade do que os 1.375 que o fizeram no período homólogo do ano passado, de acordo com o diário sul-coreano "Chosun Ilbo".

Esta situação é explicada pelo aumento da repressão por parte do regime norte-coreano contra os dissidentes desde a chegada ao poder de Kim Jong-un, indica o jornal, que cita o Ministério da Unificação sul-coreano.

Desde a morte de Kim Jong-il, em dezembro, "foram estabelecidos mais postos de controlo ao longo da fronteira entre a Coreia do Norte e a China e acabou a prática de subornar polícias norte-coreanos para se poder atravessar o rio", explicou um porta-voz do Ministério.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE