PUBLICIDADE
Egito

Autoridades deixaram cair a acusação contra jornalista australiano

29 | 08 | 2012   05.29H

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Austrália informou hoje que o Egito desistiu das acusações contra um jornalista independente australiano detido em fevereiro por alegadamente incitar à revolta contra o regime egípcio.

"A nossa embaixada [no Cairo] foi informada de que o caso foi encerrado", disse o ministro, Bob Carr, citado em comunicado, uma semana depois do seu encontro com o embaixador egípcio em Camberra, Omar Metwally.

O australiano Austin Mackell, o estudante norte-americano Derek Ludovici e a tradutora egípcia Aliya Alwi foram detidos a 11 de fevereiro, quando os ativistas egípcios pró-democracia apelaram a uma greve para assinalar um ano desde a queda do regime de Hosni Mubarak.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE