PUBLICIDADE
Automóvel

Trabalhadores da Hyundai terminam greve na Coreia do Sul

04 | 09 | 2012   05.19H

O sindicato dos trabalhadores da Hyundai Motor na Coreia do Sul chegou a acordo com a empresa sobre aumentos salariais e eliminação dos turnos noturnos, colocando fim à primeira greve a afetar em quatro anos o fabricante automóvel.

O sindicato explicou que 53 por cento dos mais de 41 mil trabalhadores que representa aprovaram o acordo alcançado na semana passada, colocando, assim, fim a uma greve que custou à Hyundai 1,4 mil milhões de dólares norte-americanos (1,1 mil milhões de euros), segundo as estimativas da empresa.

Os trabalhadores levaram a cabo 92 horas de paralisações em julho e agosto para pressionar a empresa a eliminar os turnos noturnos durante as negociações anuais sobre salários e condições de trabalho.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE