PUBLICIDADE
Actualidade

Associação de hoteleiros entregou providência cautelar para travar taxa turística em Aveiro

02 | 01 | 2013   16.59H

A Associação da Hotelaria de Portugal (AHP) interpôs uma providência cautelar para suspender a polémica taxa turística criada pela Câmara Municipal de Aveiro, que entrou em vigor a 01 de janeiro, anunciou hoje aquele organismo.

Em declarações à Lusa, a presidente da direção executiva da AHP, Cristina Siza Vieira, disse que a providência cautelar foi entregue no Tribunal Administrativo e Fiscal de Aveiro no dia 31 de dezembro de 2012.

"Existem fortes indícios de que o regulamento que prevê a cobrança desta taxa é inconstitucional e o tribunal deve impedir que o mesmo entre em vigor", afirmou a responsável.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE