PUBLICIDADE
Actualidade

FMI apela a "ação urgente" para revitalizar economia palestiniana

15 | 03 | 2013   03.58H

O Fundo Monetário Internacional (FMI) pediu hoje uma "ação urgente" para ajudar a revitalizar a economia palestiniana, afirmando que esta foi sufocada pelas restrições de Israel e incerteza política.

"Ações urgentes são necessárias pela Autoridade Palestiniana, pelo governo de Israel, e pelos doadores para estabilizar a situação fiscal e relançar o crescimento económico", disse o FMI em comunicado.

O fundo indicou que a situação na Cisjordânia e Faixa de Gaza deteriorou-se nos últimos meses, apontando o aumento do desemprego que afetou quase um quarto do mercado de trabalho no final de 2012.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE