PUBLICIDADE
Actualidade

Quatro mortos, 15 intoxicados e 1.500 retirados por fuga de amoníaco no México

21 | 08 | 2013   06.37H

Quatro pessoas morreram, 15 ficaram intoxicadas e cerca de 1.500 foram retiradas, devido a uma fuga de amoníaco num gasoduto da empresa pública Petroleos Mexicanos (Pemex), numa zona rural do Estado de Oaxaca, anunciaram na terça-feira as autoridades.

"Cerca de 1.500 habitantes de Chivaniza, Campo Nuevo, El Sardinero e Rio Grande, entre outras localidades, foram retiradas", afirmou o diretor de Proteção Civil de Oaxaca, Manuel Maza, acrescentando que quatro pessoas morreram envenenadas e outras 15 foram levadas para um hospital público.

A Pemex anunciou, por sua vez, que a fuga de amoníaco registada no incidente no sul do México foi "provocada pelo choque de uma máquina de uma empresa privada", antes de ser parada por pessoal especializado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE