PUBLICIDADE
OE2014

Nuno Amado diz que banca "já participa em excesso" no esforço de consolidação

22 | 10 | 2013   17.26H

O presidente do BCP, Nuno Amado, considerou hoje que "a banca já participa em excesso" no esforço de consolidação orçamental, revelando que o banco que lidera vai este ano "contribuir com mais de 300 milhões de euros para o OE".

"A banca já participa em excesso no esforço de consolidação orçamental, mas não faço comentários, porque todos estamos a passar dificuldades, todos temos que dar o nosso contributo", afirmou o banqueiro, em declarações, na I Conferência Antena 1/Económico, subordinada ao tema "O Estado e a Economia - Um Orçamento Pós-Troika".

E, "para dar uma ideia" do que estava a falar, Amado revelou que "o bcp este ano vai contribuir com 300 milhões de euros, ou um pouco mais, para o Orçamento do Estado, entre os fundos do imposto extraordinário sobre a banca, a remuneração das obrigações convertíveis, ou comissões sobre determinado tipo de investimentos".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

2 comentários

  • Dótórzinho!!! Pára de me fazer coçegas senão não consigo para de rir.
    Eu é que te pago a ti | 22.10.2013 | 18.35Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Caro Nuno Amado, seu filho da puta, o único esforço que a banca faz e pedir mais ao estado, o dinheiro que pertence aos portugueses, ou pensas seu burro da merda que o povo esqueceu quanto o estado deu aos ladroes dos bancos? Havias de comer merda a colher por tudo quanto causaste ao povo português, tu e todos os corruptos que nos colocaram nesta situação. Portanto, cala o bico e vai pra puta que te pariu.
    um dia havemos de pendurar as vossas cabecas na estaca. | 22.10.2013 | 18.11Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE