PUBLICIDADE
Actualidade

Austrália destina 65 ME para a criação de emprego com saída da General Motors

18 | 12 | 2013   04.54H

O Governo australiano anunciou hoje que vai destinar 89 milhões de dólares (64,7 milhões de euros) para a criação de emprego nos Estados afetados pela decisão de paragem da produção pela General Motors no país em 2017.

"Posso anunciar que o Estado está a pôr cerca de 100 milhões de dólares australianos para potencialmente financiar projetos de criação de emprego na Austrália do Sul e Victoria", declarou o primeiro-ministro, Tony Abbott, em conferência de imprensa em Camberra.

A decisão, anunciada na semana passada, implica a perda de emprego por 2.900 trabalhadores da Holden, filial da General Motors, em 2017, quando a Toyota será o única fabricante de veículos a produzir na Austrália se não seguir o mesmo caminho.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE