PUBLICIDADE
Actualidade

Executado mexicano nos EUA pela morte de um polícia

23 | 01 | 2014   04.15H

O mexicano Edgar Tamayo, de 46 anos, foi executado na quarta-feira por injeção letal na prisão de Huntsville, no Estado norte-americano do Texas, pela morte de um polícia em 1994, informaram as autoridades locais.

Tamayo foi declarado morto às 21:32 locais (03:32 em Lisboa).

Esta execução ocorreu com três horas de atraso devido à apresentação de um recurso de última hora que foi rejeitado pelo Supremo Tribunal, apesar dos protestos de organizações políticas e sociais internacionais, como a Amnistia Internacional, que denunciaram a ausência de um julgamento justo e a deficiência mental que Tamayo alegadamente sofria.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE