Paralisação

Estações do Metro de Lisboa encerradas devido à greve dos trabalhadores

23 | 01 | 2014   07.20H

As estações do Metropolitano de Lisboa estão hoje encerradas devido a uma greve parcial dos trabalhadores da empresa, disse à agência Lusa Anabela Carvalheira, da Federação do Sindicato de Transportes e Comunicações (FECTRANS).

Em declarações à agência Lusa, Anabela Carvalheira disse que a adesão à greve "é elevada".

Os trabalhadores do Metropolitano de Lisboa cumprem hoje, entre as 06:00 e as 10:00, a terceira greve parcial de janeiro, tendo a empresa admitido que as estações só abrem às 10:30.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:

1 comentário

  • Tal como o sindicato dos estivadores aqui também manda a máfia. Quando uma empresa tem dezenas de itens que proporcionam um suplemento de salário, tal como a pontualidade que não deveria ser merecedora de prémio já que é uma obrigação de qualquer trabalhador, algo vai mal. Infelizmente até hoje as administrações fecharam os olhos porque também eles mamavam à grande, mas já vai sendo tempo de colocar justiça no trabalho que todos nós pagamos e acabar com as mordomias instaladas e com a máfia dos sindicatos. Há trabalhadores do metro a ganhar mais de 2500 euros por 4 horas de trabalho, acrescendo ainda quase outro tanto (por vezes mais) de horas extras para compensar o que ficou por fazer. Máfia, uma autêntica máfia.
    zé burro | 27.01.2014 | 12.21Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE