PUBLICIDADE
Actualidade

Obama reitera intenção de encerrar prisão de Guantánamo este ano

29 | 01 | 2014   05.05H

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, reiterou hoje a intenção de encerrar a prisão da base naval de Guantánamo, em Cuba, e pediu ao Congresso para facilitar a transferência dos detidos que continuam na prisão aberta em 2002.

"Com a guerra do Afeganistão a chegar ao fim, este tem de ser o ano em que o Congresso levante as restrições restantes para as transferências de prisioneiros e para que encerremos a prisão da Baía de Guantánamo", disse Barack Obama no seu discurso sobre o Estado da União perante as duas câmaras do Congresso.

Depois de 12 anos de atividade, a prisão de Guantánamo, criada para interrogatório e detenção dos suspeitos de colaborarem com a Al-Qaida após os atentados de 11 de Setembro, ainda acolhe 115 presos, a maioria dos quais tiveram autorização para serem transferidos.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE