PUBLICIDADE
Confrontos

Guimarães tem sido palco de incidentes no futebol

02 | 11 | 2014   20.23H

O episódio de dois adeptos do Sporting esfaqueados em Guimarães, após o jogo que terminou com uma vitória da equipa da casa frente aos leões por 3-0 é, infelizmente, um episódio recorrente de confrontos e violência na Cidade Berço.

Os incidentes no estádio D. Afonso Henriques e na Cidade Berço têm tido vários episódios desde 2011, mas foi em 2013 que se sucederam a maior parte dos casos.

Desde invasões de campo a confrontos entre adeptos e a polícia, houve casos em que até o atual treinador do Benfica foi um dos responsáveis por incidentes.

30 de agosto de 2011 - Rui Vitória dirigiu o primeiro treino`no comando da equipa vitoriana, mas alguns adeptos descontentes com os resultados da equipa invadiram o treino e confrontaram os atletas. Foram lançados petardos para o campo.

24 de Fevereiro de 2013 - Jogo entre o Vitória de Guimarães B e o Sporting de Braga B. Os adeptos do Sp. Braga entraram para o Topo Norte do Estádio D. Afonso Henriques, aos seis minutos de jogo. Houve o arremesso de um petardo para a zona onde estavam os adeptos do V. Guimarães, durante a fase inicial de lançamento de cadeiras entre os dois setores. Seguiu-se uma invasão por parte dos locais. PSP foi chamada ao local para serenar os ânimos. Jogo foi suspenso.

22 de setembro de 2013 - No final do jogo entre o Vitória de Guimarães e o Benfica (0-1), da quinta jornada da I Liga de futebol, Jorge Jesus intrometeu-se numa ação da polícia que tentava retirar do relvado do estádio D. Afonso Henriques adeptos do Benfica. Foi constituído arguido e teve de pagar uma multa.

7 de novembro de 2013 - Na noite anterior ao jogo entre Vitória de Guimarães e Bétis, a contar para a Liga Europa, houve agressões a adeptos do Bétis, antes e depois do encontro - alguns espanhóis terão sido arrancados de dentro de táxis em Guimarães para serem agredidos de forma violenta.

14 de setembro de 2014 - O encontro entre o Vitória de Guimarães e o FC Porto foi interrompido durante alguns minutos, depois de se terem ouvido disparos na bancada e de adeptos vimaranenses se terem envolvido em confrontos com a polícia.

Diogo Marcelo | diogomarcelo@destak.pt
Saiba mais sobre:
Foto: Hugo Delgado / LUSA
Guimarães tem sido palco de incidentes no futebol | © Hugo Delgado / LUSA

2 comentários

  • Que se pode esperar de uma terra em que o filha bateu na mãe? E que se pode esperar de um país, em que o primeiro que confessa vai dentro, porque investigar dá algum trabalho? Nada, digo eu. É a sina que tem de ser suportada por quem não tem para onde fugir.
    Miserável terra esta | 02.11.2014 | 23.15Hver comentário denunciado
  • Os de guimarăes são como os cães, tem duas caras.
    căes cabrões | 02.11.2014 | 21.30Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE