Transportes

Câmara de Lisboa propõe parceria pública com Governo

09 | 11 | 2014   07.22H

A Câmara de Lisboa propôs ao Governo um contrato de parceria pública, por um período inicial de sete anos, para a gestão municipalizada das redes de transporte público da cidade, nomeadamente do metropolitano e da Carris.

Nesse contrato, a que a Agência Lusa teve acesso e que vai ser debatido quarta-feira na reunião camarária, pode ler-se que o município pretende assumir o "exercício pleno" de competências no planeamento e gestão das redes e frotas, na fixação de tarifas e preços e na definição de níveis de serviço e de objetivos de gestão operacional, entre outros.

O Estado manterá nesses sete anos o capital do metro e da Carris e os mecanismos de controlo financeiro das empresas.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:

1 comentário

  • e os cidadãos a pagar! Mesmo os que não são da zona, mesmo os do interior, mesmo os desempregados.... socialismo é isto!
    Cândido Morais | 09.11.2014 | 16.10Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE