PUBLICIDADE
realeza

Morreu em Sevilha a duquesa de Alba

20 | 11 | 2014   09.16H

A duquesa de Alba, Cayetana Fitz-James Stuart, morreu hoje em Sevilha, segundo informou o presidente da cidade, Juan Ignacio Zoido.

A duquesa morreu aos 88 anos, depois de ter sido internada com uma infeção respiratória.

Na quarta-feira, a duquesa foi levada para a sua residência, o Palácio de Duenas, após o Hospital Quirón Sagrado Corazón ter autorizado a alta de Cayetana a pedido da própria e da sua família.

As decisões na vida da irreverente duquesa andaram sempre de braço dado com a polémica – casou em 1978 com Jesús Aguirre, um ex-padre jesuíta, deixando toda a Espanha chocada e, em 2011, casa-se com Afonso Díez Carabantes, 25 anos mais novo, indo contra a vontade dos seus seis filhos e até mesmo do rei Juan Carlos.

Amante de sevilhanas, de arte e de tourada à espanhola, detentora do maior número de títulos nobiliárquicos no mundo, Dueña Cayetana abdicou da sua fortuna, avaliada em 1000 milhões de euros, para os seus filhos para poder timbrar os seus sentimentos por Afonso Carabantes. Era descendente da Casa de Bragança e o seu lema era: “viver e deixar viver”!

A SIC Caras recorda a inigualável duquesa de Alba, numa mini-série de excelência, a partir de 1 dezembro, às 24h00, logo após o último episódio da série ‘Isabel’.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:
Foto: DR
Morreu em Sevilha a duquesa de Alba | © DR

2 comentários

  • Já foi tarde, livra aberração. Quando era nova até era bem jeitosa, mas depois da meia idade... credo!
    PORCOSUJO | 26.11.2014 | 14.51Hver comentário denunciado
  • Salmos 90: 10- A duração da nossa vida é de setenta anos, e se alguns, pela sua robustez chegam a oitenta anos, o melhor deles é canseira e enfado, pois passa rapidamente , e nós voamos.
    Inês | 20.11.2014 | 14.24Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE