PUBLICIDADE
Actualidade

Amadora-Sintra dispensa único radiologista de intervenção do hospital - Ordem

20 | 11 | 2014   16.02H

O hospital Amadora-Sintra ficou sem radiologia de intervenção porque o único médico especialista foi dispensado e acabou por emigrar, uma situação que está a preocupar a Ordem dos Médicos.

Segundo relatou o bastonário da Ordem num encontro com jornalistas para apresentar o XVII Congresso Nacional de Medicina, o médico estava há alguns anos numa situação contratual indefinida, tendo acabado por ser dispensado.

Além de ser o único radiologista de intervenção daquele hospital, o clínico que agora emigrou para o Reino Unido fazia cerca de 300 procedimentos por ano e estava a dar formação a um colega, que acabou por ver a sua especialização interrompida.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE