PUBLICIDADE
Espanha

Infanta Cristina paga esta semana quase 600 mil euros no âmbito do caso Noos

14 | 12 | 2014   17.46H

A infanta Cristina, irmã do rei de Espanha, vai pagar na próxima semana os cerca de 600 mil euros que o Ministério Público exige pela sua responsabilidade no caso Noos.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

O advogado da infanta, Miquel Roca, disse este domingo em Barcelona, que «na segunda-feira ou o mais tardar no início da semana, entregará em tribunal os 587.413 euros que o Ministério Público exige», como beneficiária dos lucros atribuídos ao seu marido, Iñaki Urdangarin, acusado de crimes fiscais.

Este montante é metade dos fundos que, segundo a acusação, entraram ilegalmente na empresa Aizoon, detida pela irmã de Filipe VI e o seu marido, destinados a despesas pessoais. O procurador do Ministério Público, Pedro Horrach, considerou que Cristina de Borbón, apesar de não saber da origem ilícita de parte dos fundos que Aizoon recebeu, “beneficiou” deles, porque o marido os usou para pagar serviços e fornecimentos de cariz pessoal e familiar.

Saiba mais sobre:
Foto: DR
Infanta Cristina paga esta semana quase 600 mil euros no âmbito do caso Noos | © DR
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE