PUBLICIDADE
Justiça

Magistrada Albertina Pedroso é a nova presidente do Instituto que gere o Citius

14 | 01 | 2015   10.42H

A magistrada Albertina Pedroso vai substituir o presidente do Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça (IGFEJ), exonerado na sequência das polémicas com o sistema informático Citius, disse hoje à Lusa fonte do Ministério da Justiça.

Além de Rui Pereira, foi igualmente exonerado o vogal do conselho diretivo Carlos Brito, que será substituído no cargo por Joaquim Melo, que transita da Direção geral de administração da Justiça, onde exercia o cargo de vice-diretor geral, segundo a mesma fonte.

Albertina Gomes Pedroso, de 49 anos, abandona o Conselho Superior de Magistratura (CSM) - onde desempenhava as funções de chefe de gabinete de apoio ao vice-presidente e aos membros do órgão - para presidir ao conselho diretivo do IGFEJ com o Citius ainda a merecer críticas de agentes da Justiça.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE