Actualidade

Gaia pede "posição derradeira" de autarcas para anular concurso da STCP e Metro

19 | 01 | 2015   19.43H

O presidente da Câmara de Gaia defendeu hoje que os autarcas do Porto devem tomar uma "posição derradeira" e impugnar o concurso de subconcessão das empresas Metro e STCP (Sociedade de Transportes Coletivos do Porto).

No dia em que a administração da Metro do Porto e da STCP confirmou ter aprovado a proposta de adjudicação ao consórcio catalão TMB/Moventis, Eduardo Vítor Rodrigues defende uma "tomada de posição derradeira dos autarcas que tem vindo a ser adiada e que passaria por partir para a via judicial e impugnar o concurso".

Em alternativa, o autarca espera "que a União Europeia reconheça que, no quadro da concorrência, este procedimento viola um aspeto central", lembrando que a TMB é "uma empresa subsidiada" logo "não pode concorrer a concessões noutro espaço comunitário".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE