Actualidade

Investidor quer comprar e modernizar o mais antigo centro comercial do Porto

29 | 05 | 2015   16.15H

O investidor interessado em adquirir, recuperar e modernizar o centro comercial Brasília, o primeiro do país, informou hoje os proprietários sobre as "condições financeiras e temporais" da compra, revelou à Lusa a sua representante legal.

Em declarações à Lusa, a advogada Paula Henriques Lourenço, da sociedade de advogados Telles de Abreu, explicou que a intenção do cliente, que para já "não quer apresentar-se", é a "reestruturação e reabilitação total" do espaço "devoluto" para o transformar num centro comercial "moderno", de acordo com um projeto a "apresentar e articular" com a autarquia e com o condomínio, desde que os 150 proprietários das 230 frações aceitem vendê-las.

"A condição essencial [para o projeto avançar] é a compra de todas as frações. O investidor está interessado em comprar a totalidade das frações do Brasília. Isto torna este processo um grande desafio", notou a advogada, assegurando que, sem a venda de todos os donos de espaços comerciais no centro comercial, o negócio não avança.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE