Presidente

Rui Moreira admite carência de cinema e de salas para filmes comerciais no Porto

18 | 11 | 2015   17.47H

O presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, considerou hoje que o município vive com "carência de cinema", mas acredita que iniciativas como o festival Porto/Post/Doc permitem colocar a cidade no mapa da sétima arte.

"O Porto tem uma enorme carência (...) de cinema. É uma cidade que praticamente não tem salas de cinema comerciais e, portanto, para nós tem sido uma forte aposta no Teatro Rivoli e também no Campo Alegre apostar no cinema, porque há uma enorme carência e há uma grande apetência também", declarou aos jornalistas Rui Moreira, à margem da apresentação da II edição do festival Porto/Post/Doc.

Rui Moreira, que desde o dia 11 deste mês detém o pelouro da Cultura da Câmara do Porto, declarou que a segunda edição do festival do Porto/Post/doc, que arranca no próximo dia 01 de dezembro e se prolonga até dia 8, é muito importante para a cidade.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE