Mercados de Natal

Sons, cores e cheiros de Natal

20 | 11 | 2015   12.03H

Sons, cores e cheiros de Natal O Natal está a chegar. As montras já fazem apelos ao consumo típico da época, os enfeites e luzes começam a pintar as ruas e o calendário confirma que falta pouco mais de um mês. O que significa que está a começar a época dos mercados de Natal na Europa. Maiores ou mais pequenos, com muita música, cor, iguarias típicas e sugestões de presentes para miúdos e graúdos. A oferta é grande. Basta escolher e transformar uma escapadinha num feliz fim de semana com cheio e sabor a Natal, com a ajuda da European Best Destinations, uma organização que promove a cultura europeia e que elegeu os dez melhores mercados deste Natal.

Carla Marina Mendes | cmendes@destak.pt

Estrasburgo (França)

Foi aqui que, no longínquo 1570, se realizou a primeira edição daquele que é o mais antigo mercado de Natal europeu, na altura apelidado de "Christkindelsmärik" (mercado do menino Jesus). A tradição aqui ainda é o que era e promete não desiludir.  Quando: de 27 de novembro a 31 de dezembro

Aachen (Alemanha)

Em Aachen, todos os anos o cenário é o mesmo. À volta da catedral da cidade alemã multiplicam-se as barracas e banquinhas, num festival de luz e cor, sons e cheios, com uma atmosfera familiar, que atraem, todos os anos, qualquer coisa como 1,5 milhões de visitantes. Quando: de 20 de novembro a 23 de dezembro

Viena (Áustria)

Aqui não há um, mas vários. Cerca de 20 têm a chancela oficial, que remonta ao século XIII, quando Alberto I deu aos habitantes de Viena o privilégio de realizarem um mercado em dezembro. Quando: de 13 de novembro a 26 de dezembro

Nuremberga (Alemanha)

Das salsichas de Nuremberga aos lebkuchen, os famosos biscoitos de gengibre, sem esquecer os ‘Homens de Ameixa’, umas pequenas delícias feitas com ameixas secas e figos. A oferta neste mercado é grande e promete encantar também os mais pequenos, com o seu carrossel natalício e a casa do Pai Natal. Quando: de 27 de novembro a 24 de dezembro

Lille (França)

No coração do inverno, o mercado de Lille brilha e reflete não só a luz como a alegria de quem por lá passa. Na Praça Rihour, mais de 80 pequenos chalés oferecem ideias de presentes, figuras natalícias, decorações de Natal e comida à altura da época. Quando: de 18 de novembro a 30 de dezembro

Dresden (Alemanha)

São, ao todo, 11 os mercados que aqui se oferecem à descoberta, desde os mais tradicionais aos medievais. Desde a principal estação de comboios até à outra margem do rio Elba, o mais difícil mesmo vai ser escolher. Quando: de 26 de novembro a 24 de dezembro

Bruxelas (Bélgica)

Durante cinco semanas, a capital belga muda de cor e de aroma. A atmosfera festiva contagia quem passa por Bruxelas, que pode experimentar uma pista de patinagem no gelo, participar na parada de Natal ou observar o espetáculo de luzes que mudam a fachada dos edifícios. Quando: de 27 de novembro a 3 de janeiro de 2016

Colónia (Alemanha)

Todos os anos, o centro da cidade alemã de Colónia transforma-se graças à magia das festas que antecedem o Natal. Quando os mercados abrem portas, milhões de visitantes de todo o mundo estão convidados a deliciarem-se com o que estes oferecem. Quando: de 23 de novembro a 24 de dezembro

Manchester (Reino Unido)

Este será o 16º ano que a cidade britânica oferece o que diz ser «o mais original, maior e melhor mercado de Natal do Reino Unido». São mais de 300 chalés espalhados ao longo do centro da cidade, com ofertas para comer, beber e muito mais. Quando: de 14 de novembro a 21 de dezembro

Praga (República Checa)

É conhecida por ser uma cidade romântica, mas nesta época o encanto de Praga consegue ser ainda maior, com os concertos ao ar livre e as barraquinhas repletas de potenciais presentes, desde joias, brinquedos de madeira, cerâmica ou bonecas vestidas com os trajes tradicionais. Quando: de 28 de novembro a 1 de janeiro de 2016

Saiba mais sobre:
Foto: Mark Waugh
Sons, cores e cheiros de Natal | © Mark Waugh
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE