PUBLICIDADE
1ª entrevista

Eagles of the Death Metal recordam noite de terror

22 | 11 | 2015   16.15H

A banda norte-americana Eagles of Death Metal, cujo concerto na sala de espetáculos Bataclan, em Paris, no dia 13, foi palco de um ataque terrorista, cedeu a sua primeira entrevista sobre o caso. Ao canal de notícias Vice e revelou pormenores sobre o tiroteio.

Vera Valadas Ferreira | vferreira@destak.pt

«Várias pessoas esconderam-se no camarim e os assassinos conseguiram entrar e mataram todos, exceto um miúdo que estava escondido debaixo do meu casaco de peles», contou o frontman Jesse Hughes, tendo o cofundador da banda, Josh Homme, a seu lado. Este músico, também vocalista dos Queen of the Stone Age, não se encontrava em Paris na fatídica noite. Recorde-se que a banda chora a morte do seu manager, que se encontrava à entrada da sala, junto à banca de merchandising, e também de três pessoas da sua editora.

«As pessoas estavam a fingir que estavam mortas. E estavam com tanto medo... A razão porque tantos morreram [89 vítimas mortais] é que muitos recusaram-se a abandonar os amigos. Muitas pessoas puseram-se em frente a outras pessoas», frisa no excerto divulgado desta emocionada conversa. A entrevista será publicada na íntegra no site Vice ao longo desta semana.

Saiba mais sobre:
Foto: © Destak
Eagles of the Death Metal recordam noite de terror | © © Destak
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE