Presidenciais

Se não houvesse o 25 de Abril faria o serviço militar obrigatório -- Marcelo

11 | 01 | 2016   14.32H

O candidato presidencial Marcelo Rebelo de Sousa recusou hoje "entrar em polémicas pessoais", mas disse que, se não houvesse o 25 de Abril de 1974, iria ser chamado e certamente iria fazer o serviço militar obrigatório.

Durante uma ação de campanha na Guarda, confrontado com as dúvidas lançadas por um mandatário distrital de Sampaio da Nóvoa sobre se tinha ou não cumprido o serviço militar, Marcelo Rebelo de Sousa lamentou que haja "animosidade durante o período de campanha" entre "pessoas que se davam bem entre si", e não quis responder.

Depois, questionado diretamente se fez o serviço militar obrigatório, declarou: "Estava a acabar os meus estudos naquela ocasião. Estava a fazer o meu mestrado, na transição. Tinha prestado as provas de mestrado e ia ser chamado. Já sabia que era chamado em 74 para prestar o serviço militar obrigatório. Prestei as provas no final de 73 e já sabia que, se não tem havido o 25 de Abril, certamente prestaria o serviço militar obrigatório".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:
Foto: Natália Ferraz / CM
Se não houvesse o 25 de Abril faria o serviço militar obrigatório -- Marcelo | © Natália Ferraz / CM

1 comentário

  • Os meninos com chupeta grande não iam para a tropa com receio que borrassem as cuecas-
    robertinho | 11.01.2016 | 18.26Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE