PUBLICIDADE
Bragaparques

Tribunal da Relação de Lisboa mantém absolvição de todos os arguidos

12 | 01 | 2016   16.14H

A Relação de Lisboa manteve hoje a decisão de absolver o antigo presidente da Câmara de Lisboa Carmona Rodrigues e os ex-vereadores Fontão de Carvalho e Eduarda Napoleão, arguidos no processo Bragaparques, disse à Lusa fonte do tribunal.

Os três ex-autarcas foram absolvidos em 2014 pelo tribunal de primeira instância de prevaricação de titular de cargo político, no negócio de permuta de terrenos do Parque Mayer (anteriormente detidos pela Bragaparques) com terrenos municipais da antiga Feira Popular, autorizado pela Assembleia Municipal em 2005.

O Ministério Público (MP) interpôs recurso para o Tribunal da Relação de Lisboa (TRL), que, por acórdão hoje proferido, "julgou improcedente" o recurso apresentado e "manteve a decisão do tribunal de primeira instância que absolveu os cinco arguidos", referiu a fonte.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:
Foto: DR
Tribunal da Relação de Lisboa mantém absolvição de todos os arguidos | © DR

2 comentários

  • Jovem, quando se trata de raposas e galinheiros existe uma tendência natural que incliana à direita ou à esquerda que deixa de lado algumas raposas e galinheiros... BPeNes, BPPes, BESes, Suvmarino$, BaNIFas, enfim... não stresses, o povo é sereno. méééééé
    Rita fontes | 12.01.2016 | 18.37Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Minhas amigas varinas de tairoca no pé, o vosso querido Sócrates também vai ser absolvido. Não precisam de fazer mais vigílias ao pé do galinheiro.
    Não se pode tocar nos senhores | 12.01.2016 | 16.55Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE