PUBLICIDADE
Estudo

Investigação revela que é possível reverter sintomas de autismo na fase adulta

17 | 02 | 2016   18.01H

Um estudo hoje publicado na revista 'Nature' revela que é possível reverter alguns comportamentos ligados ao autismo na fase adulta.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

Desenvolvida por uma equipa de cientistas norte-americanos e pela portuguesa Patrícia Monteiro, do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) da Universidade de Coimbra (UC), a investigação incidiu sobre o 'Shank3', um dos genes implicados no autismo, afirma a UC, numa nota hoje divulgada.

O autismo é uma patologia sem cura que afeta cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo, estimando-se que a prevalência em Portugal seja de um caso em cada milhar de crianças em idade escolar.

Saiba mais sobre:
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE