PUBLICIDADE
Teatro imersivo

Assista a um crime numa Casa Museu

11 | 10 | 2016   12.34H

Depois do sucesso de Casa Assombrada, o Teatro Reflexo apresenta Crime na Casa Museu, nas sextas e sábados de outubro e novembro na Casa Museu Leal da Câmara, em Sintra. Entre num Cluedo e envolva-se num jogo de detetives.

Destak | destak@destak.pt

Criado por Michel Simeão, o Crime na Casa Museu, distancia-se da linguagem do terror do projeto Casa Assombrada, dando lugar a um universo influenciado pelo cinema noir e pelas intricadas tramas eternizadas por Agatha Christie, sendo que aqui o público é o próprio Hercule Poirot. O espetador é convidado a entrar numa espécie de Cluedo e é envolvido num verdadeiro jogo de detetives.

Neste Crime na Casa Museu, o espetador é convidado a entrar numa espécie de Cluedo, onde irá assistir de forma imersa (dentro do próprio espaço cénico) a um convívio entre amigos que decorre naquela que foi a casa do Mestre Leal da Câmara, figura incontornável do meio artístico português do século passado, com especial enfoque no seu trabalho de caricaturas.

Tanto Leal da Câmara, como a sua esposa e amigos, encontram-se reunidos nesta animada tertúlia composta por artistas liberais dos anos 20. Porém durante o decorrer da noite, algo grotesco irá acontecer: uma daquelas sete personagens será alvo de um homicídio a sangue a frio.

A partir daqui, o público é envolvido num verdadeiro jogo de detetives, onde de mão dada com o espírito da vítima, terá de descobrir o autor ou autora de tamanha atrocidade. Para isso, serão convidados a jogar jogos de sorte ou azar, perícia e observação, para terem acesso a cenas secretas, retalhos de uma noite onde os fantasmas de cada um andaram à solta, falando em surdina por entre paredes que têm ouvidos, juntando as peças de um quebra cabeças que apenas os mais astutos conseguirão decifrar.

Será dada ainda a oportunidade ao público da confrontação direta com as personagens, que acabarão por ser julgadas por cada um dos presentes.

Local: Casa Museu Leal da Câmara – Rinchoa
Interpretação: Adriana Moniz, Jan Gomes, Joana Sapinho, Luísa Fidalgo, Michel Simeão, Miguel Mateus, Rita Ruaz
Horário: sextas e sábados de outubro a novembro, às 21h e às 23h

Saiba mais sobre:
Foto: dr
Assista a um crime numa Casa Museu | © dr
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE