merc´art

Uma galeria quase no ar

16 | 11 | 2016   17.55H

A partir de amanhã o Time Out Market abre as portas a uma galeria de arte suspensa, com 50 obras variadas.

Filipa Estrela | festrela@destak.pt

Chama-se merc´art e vem provar que a arte não tem de ser linear. Trata-se da primeira galeria suspensa, que terá lugar nas asnas do Time Out Market. A exposição é composta por 50 obras de ilustradores e street artists nacionais – não apenas artistas reconhecidos mas também pelos conhecidos, pelos emergentes e embrionários.

O merc’art oferece a todos a possibilidade de comprarem obras de artistas a preços nunca antes vistos. Descubra edições limitadas e assinadas pelos autores a €15 e €25 e originais a partir de €250.

O merc´art nasce da vontade de comemorar, partilhar e acima de tudo democratizar a ilustração e a arte urbana.

Serão produzidos 2.500 postais e a sua venda reverterá a favor da HeArt. O objetivo de concretização do donativo será conhecido em breve. A HeArt é uma associação sem fins lucrativos que tem como objetivo divulgar e promover o trabalho artístico das pessoas com deficiência.

Local: Time Out Market, em Lisboa
Horário: Horário: de 17 de novembro a 18 de dezembro, de segunda a quarta e domingo, das 10h às 00h; de quinta a sábado, das 10h às 2h

-

QUEM SÃO OS ARTISTAS?
Tâmara Alves, Luís Alegre, Tiago Albuquerque, Bigod, Mariana Cáceres, André carrilho, Ozearv, Carolina Celas, Costah, Afonso Cruz, Júlio Dolbeth, Daniel Eime, Fidel Évora, Alberto Faria, João Fazenda, Sara Feio, Inês Fonseca, Inês Franco, Godmess, Cláudia Guerreiro, Halfstudio, C’Marie, Já.Sinto, Lord Mantraste, Tiger Bastard, Lara Luís, Pickle Films, Inês Mendes, Mint Cuts Studio, Mariana a Miserável, J de Montaigne, Susa Monteiro, Mots, Nada, Paul Neberra, Sebastião Peixoto, Jorge Pereira, Pedro Podre, Carolina Reis, Regg Salgado, Samina, Rui Santos, Pedro Sim, Vanessa Teodoro, The empty belly, Senhor Tocas, Ana Types Type, João Vaz de Carvalho, Pedro Zamith.

Saiba mais sobre:
Foto: dr
Uma galeria quase no ar | © dr
Este trabalho de Afonso Cruz é um exemplo e não faz parte do merc´art
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE