Tradição

As cartas para o Pai Natal já começaram a chegar aos CTT

06 | 12 | 2016   12.19H
Já começaram a chegar às centrais dos CTT as cartas que todos os anos dezenas de milhares de crianças escrevem ao Pai Natal. Este ano, os CTT esperam que estas cheguem a 170 mil e garantem que nenhuma ficará sem resposta do Pai Natal, pois está claro. Recorde-se que estas são as únicas cartas que não precisam de selo para serem aceites pelos CTT.
Patrícia Susano Ferreira | pferreira@destak.pt
Mas este Pai Natal não é o único. Tal como nos últimos anos, os CTT abrem toda a sua rede ao Pai Natal Solidário, que deposita em algumas Lojas CTT de todo o País, cartas escritas e desenhadas por crianças desfavorecidas à guarda ou acompanhadas por IPSS, com pedidos de presentes que poderão ser oferecidos e apadrinhados por qualquer um de nós. Para a maioria destas crianças, as cartas ao Pai Natal e ao Pai Natal Solidário são o primeiro contacto com esta forma de comunicação. E muitas vezes esta primeira vez chega-nos cheia de criatividade, começando logo na forma como nomeiam a morada deste destinatário famoso: “Casa da Lapónia”, “Planeta dos Brinquedos”, “Terra da Neve”, ou a mais comum “Casa do Pai Natal”.
Foto: dr
As cartas para o Pai Natal já começaram a chegar aos CTT | © dr
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE