Cultura

Isabel da Mota é a primeira mulher a presidir a Fundação Calouste Gulbenkian

07 | 12 | 2016   18.02H

Isabel Mota, de 65 anos, eleita hoje presidente do conselho de administração da Fundação Calouste Gulbenkian (FCG), cargo ocupado pela primeira vez por uma mulher, foi também a primeira mulher a sentar-se neste conselho, em 1999.

Licenciada em Finanças pelo Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras, da Universidade Técnica de Lisboa, em 1973, desempenha funções no Comité de Supervisão da Partex Oil and Gas (Holdings) Corporation.

Desde julho do ano passado, é membro não executivo do conselho de administração do Banco Santander-Totta.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE