EUA

Estado do Alabama executa homem que matou funcionário de loja em 1994

09 | 12 | 2016   06.04H

Um homem condenado por matar um funcionário de uma loja de conveniência há mais de duas décadas foi executado na quinta-feira no Alabama, a segunda execução do ano neste estado norte-americano.

Ronald Bert Smith Jr., de 45 anos, foi declarado morto às 23:05 (05:05 de hoje em Lisboa) após ser-lhe administrada uma injeção letal na prisão estadual.

O Supremo Tribunal adiou duas vezes a execução, com os advogados de Smith a pedirem um adiamento, argumentando que um juiz não devia ter podido decretar pena de morte quando o júri recomendou prisão perpétua. Quatro juízes apoiavam a suspensão da execução, mas para que tal acontecesse era necessário serem cinco.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:

3 comentários

  • romanos 3: 23- Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.
    Inês | 09.12.2016 | 11.48Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Mateus 7: 1- Não julgueis, para que não sejais julgados.
    Inês | 09.12.2016 | 11.44Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Apelo- Por favor acabem com as execuções. Muito obrigado. Deus vos abençoe.
    Inês | 09.12.2016 | 11.43Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE