Actualidade

Associações contra nova regulamentação da lei do cinema por causa de júris de concursos

10 | 01 | 2017   17.44H

Oito associações de produtores, realizadores e promotores de festivais contestam a proposta de nova regulamentação da lei do cinema, do Governo, por retirar poderes ao Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA) na escolha de júris dos concursos de apoio financeiro.

Numa declaração conjunta enviada à agência Lusa, as oito associações - entre as quais a Associação dos Produtores de Cinema Independente (APCI), a Portugal Films e o IndieLisboa - consideram que a proposta de decreto-lei que altera a regulamentação, que está em consulta junto dos profissionais, "não serve uma política cultural" de apoio ao setor e prometem ações de protesto.

As alterações "não cumprem as nossas aspirações, reforçam os poderes da SECA [Secção Especializada de Cinema e do Audiovisual do Conselho Nacional de Cultura], usurpa-os ao ICA no que toca à escolha dos júris e vamos até onde for possível na oposição frontal ao documento", disse à agência Lusa o produtor Luís Urbano, da APCI.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE