Património

China toma medidas contra falsos Exércitos de Terracota

12 | 02 | 2017   06.31H

Duas imitações do famoso Exército de Terracota que protege o primeiro imperador chinês em Xian (centro) chamaram a atenção das autoridades do património que destruíram um das cópias e anunciaram medidas legais contra a outra, informaram os 'media' oficiais.

O último dos falsos exércitos foi descoberto na cidade de Taihu, na província de Anhui, onde uma réplica com um milhar de guerreiros de barro está à disposição dos turistas por um preço idêntico ao cobrado ao autêntico de Xian, a cerca de mil quilómetros a sudeste de Xian.

Apesar de funcionar aparentemente desde 2008, foi a sua aparição na imprensa e em fóruns na Internet nos últimos dias que levou o museu original de Xian a publicar um comunicado a criticar a imitação da sua famosa coleção de esculturas e a ameaçar com medidas legais.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
Saiba mais sobre:
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE