Actualidade

Mais de 650 mil pessoas afetadas por ciclone no sul de Moçambique -- oficial

17 | 02 | 2017   15.16H

O número de pessoas afetadas pelo ciclone que atingiu na quarta-feira a província de Inhambane, sul de Moçambique, subiu para 650 mil, segundo o Centro Nacional Operativo de Emergência (CENOE), que manteve o número de mortos em sete.

Num relatório a que a Lusa teve acesso, o CENOE avança que o número de pessoas afetadas subiu de 130 mil e que há 55 feridos, quatro dos quais em estado grave.

No que respeita aos prejuízos, o relatório indica que foram danificados 106 edifícios públicos, 70 unidades hospitalares, 998 salas de aula, três torres de comunicação, 48 postos de transporte de energia elétrica e dois sistemas de abastecimento de água.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE