Cultura

Treze galerias portuguesas participam na ARCOmadrid 2017

20 | 02 | 2017   10.32H

São 13 as galerias portuguesas que vão garantir a sua presença na ARCOmadrid 2017, que se realiza de 22 a 26 de fevereiro, na Feira de Madrid.

Destak | destak@destak.pt

Organizada pela IFEMA, a iniciativa recebe destacados profissionais da arte contemporânea portuguesa com intervenções no Fórum e os Encontros Profissionais.

A 3+1 Arte Contemporânea, Baginski, Cristina Guerra Contemporary Art, Filomena Soares, Graça Brandão, Pedro Cera, Vera Cortés, Múrias Centeno e Quadrado Azul e a galeria Mário Sequeira são algumas das participantes.

Este ano, o programa Opening, organizado por Juan Canela (Espanha) e Stefanie Hessler (Alemanha) e dedicado a galerias com uma trajetória de um máximo de sete anos, também contará com a presença portuguesa com a participação da KUBIK GALLERY –Porto-, e pela primeira vez na Feira, MADRAGOA e PEDRO ALFACINHA, ambas provenientes de Lisboa.

De igual modo, a ARCOmadrid contará com uma representação portuguesa nos Encontros Profissionais que serão desenvolvidos no quadro da Feira. É o caso de João Fernandes, diretor artístico do Museo Nacional Centro de Arte Reina Sofía, que dirigirá o VI Encontro de Museus da Europa e da América Latina, coorganizado pela AECID, e de Miguel Amado, comissário do Middlesbrough Institut of Modern Art, que participará na Função social da arte e das suas instituições.

Juntamente com estes, outros profissionais portugueses ou residentes no país estarão presentes na ARCOmadrid como Filipa Oliveira, diretora artística do Fórum Fundação Eugénio de Almeida, Évora; Miguel von Hafe, comissário independente, e Suzanne Cotter, diretora do Museu Serralves, Porto.

O colecionismo português também será reconhecido na 36ª edição da Feira. Os Prémios "A" para o Colecionismo, concedidos pela Fundação ARCO, reconheceram a Fundação EDP pela constituição de uma coleção de arte portuguesa de grande relevância, assim como pelo seu apoio à internacionalização da arte do seu país no estrangeiro.

A Fundação EDP entesoura uma das melhores coleções de arte contemporânea de Portugal e este ano inaugurou o Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT) em Lisboa. O centro, dirigido pelo arquiteto português Pedro Gadanho, centra-se na cultura contemporânea, combinando as artes visuais com os meios de comunicação, a arquitetura e as cidades, a ciência e a tecnologia, a sociedade e o pensamento.

Por outro lado, na quinta-feira, dia 23 de fevereiro, terá lugar no ARCOlunch by American Express um almoço organizado pela Câmara Municipal de Lisboa e pela IFEMA-ARCOmadrid para apresentar a nova edição da ARCOlisboa, que se realizará de 18 a 21 de maio na Cordoaria.

A ARCOmadrid 2017, organizada pela IFEMA, realiza-se de 22 a 26 de fevereiro nos pavilhões 7 e 9 da Feira de Madrid, das 12h às 20h.

GALERIAS PORTUGUESAS NA ARCOmadrid 2017
PROGRAMA GERAL
3+1 ARTE CONTEMPORÂNEA - Lisboa
BAGINSKI - Lisboa
CRISTINA GUERRA CONTEMPORARY ART - Lisboa
FILOMENA SOARES - Lisboa
GRAÇA BRANDÃO - Lisboa
MÁRIO SEQUEIRA - Braga
MÚRIAS CENTENO - Lisboa
PEDRO CERA - Lisboa
QUADRADO AZUL - Oporto
VERA CORTÉS - Lisboa

OPENING
KUBIK GALLERY - Oporto
MADRAGOA - Lisboa
PEDRO ALFACINHA - Lisboa

Saiba mais sobre:
Foto: DR
Treze galerias portuguesas participam na ARCOmadrid 2017 | © DR
Arte e colecionismo na 36ª edição
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE