Actualidade

PCP recebe Dilma Roussef e expressa solidariedade face a "golpe de estado"

14 | 03 | 2017   17.18H

O secretário-geral do PCP e outros dirigentes comunistas receberam hoje na sede nacional do partido, em Lisboa, a ex-presidente do Brasil Dilma Rousseff, expressando-lhe solidariedade face à destituição ('impeachment'), que consideram um "golpe de estado".

Jerónimo de Sousa, segundo um comunicado do PCP, manifestou a "posição solidária" do seu partido, bem como de "denúncia e condenação do autêntico golpe de estado que representou a sua ilegítima destituição".

Segundo os comunistas, tratou-se de uma "operação golpista dirigida contra o processo de sentido progressista e de afirmação soberana que teve lugar no Brasil desde 2003, com a eleição do presidente Lula da Silva", antecessor de Rousseff.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

3 comentários

  • ho amigo zé da burra eu conheço certamente melhor a vida da sr.dilma antes de ser eleita que o amigo zé da burra! Portugal continua um atraso de vida mas nâo sera com a treta dos comunas que ira mudar!O amigo Zé da burra leia,e va até ao Brasil e depois conte!!
    politiqueiro | 16.03.2017 | 21.24Hver comentário denunciado
  • !.º) O "Politiqueiro" não sabe o que foram os regimes "comunistas"; de contrário nunca iria compará-los com o Brasil de Dilma Rousseff. Ela procurou procurou aplicar no Brasil uma social democracia redistribuindo melhor a riqueza poduzida no país e durante a presidência de Lula e de Dilma muitos brasileiros sairam da pobreza extrema. Também não deve confundir social democracia com o que o nosso atual PSD, que de social democrata apenas possui hoje o nome e pretende para portugal: um sistema neo-liberal selvagem que leva à pobreza os portugueses de classe média que ainda vão sobrevivendo com alguma qualidade de vida. Quanto aos já pobres nem direito têm hoje a construir uma barraca, coisa que nem anterior regime salazarista lhes era vedado completamente. 2.º) Você diz que a Dilma nunca seria Presidenta num país de direito? o que quer dizer com isso? então ela não foi eleita em eleições livres? quem está agora no poder é que lá chegou de forma anormal. Quando será restabelecida a normalidade chamando os brasileiros a votar para um novo Presidente?
    zé da burra o alentejano | 14.03.2017 | 22.28Hver comentário denunciado
  • A sra. Dilma num estado de direito nunca seria Presidente que leve os comunas com ella aqui na margem sul temos com fartura!!
    politiqueiro | 14.03.2017 | 19.07Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE