Actualidade

AOFA critica "aumentos desproporcionados" nos centros sociais do IASFA

20 | 03 | 2017   18.22H

A Associação de Oficiais das Forças Armadas (AOFA) criticou hoje os aumentos das mensalidades pagas pelos utentes dos centros sociais do Instituto de Ação Social das Forças Armadas (IASFA) e reclamou a demissão da direção.

Em comunicado, o presidente da AOFA criticou o "aumento desproporcionado" do valor das mensalidades em três centros sociais, Oeiras, Porto e Runa (Torres Vedras) decidido através de deliberação da direção do IASFA, publicada na página daquele instituto na Internet.

Segundo o presidente da AOFA, António Mota, cerca de 130 residentes do Centro de Ação Social de Oeiras estão a solicitar ao presidente do IASFA, tenente-general Xavier Matias, que reveja os valores em causa, considerando que são "injustos e desproporcionados".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE