Actualidade

Merkel exige mais coordenação internacional para a próxima epidemia global

19 | 05 | 2017   15.22H

A chanceler alemã Angela Merkel desafiou hoje os países do G20, em particular os mais industrializados, a aprenderem com os falhanços no combate às epidemias do vírus do ébola e do zika e melhorar a colaboração para enfrentar o próximo surto contagioso.

Merkel intervinha na reunião de ministros da Saúde dos países do G20, que se celebra hoje e sábado em Berlim sob presidência alemã e que reúne neste fórum as economias mais avançadas e as potências emergentes.

A reação face à crise do ébola na África ocidental em 2014 foi "tardia, lenta e descoordenada", considerou a chanceler, numa alusão à reação internacional então evidenciada, e assinalando que "seria cínico não extrair as lições" correspondentes com o objetivo de enfrentar em melhores condições a próxima crise sanitária global.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Amigos, leram bem, como eu li? A senhora chanceler fala em "enfrentar o próximo surto contagioso" e "a próxima crise sanitária global"... O que é que ela sabe que nós ainda não sabemos? Hummm Estes surtos, estas epidemias e pandemias, não sei até que ponto são inocentes!
    Anónimo | 19.05.2017 | 20.55Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE