Actualidade

Inquérito a explosão em pedreira de Sesimbra arquivado

19 | 05 | 2017   17.23H

O inquérito à explosão que ocorreu em 2015 numa pedreira em Sesimbra, no distrito de Setúbal, foi arquivado, anunciou hoje a Procuradoria da Comarca de Setúbal.

"Foi possível apurar que a explosão ocorreu como consequência de uma queima e destruição de material explosivo não rastreável, cuja destruição era necessária. A negligente colocação do material explosivo no terreno, acumulado em algumas secções, causou uma anormal carga térmica, o que, em conjugação com o calor que se fazia sentir, viria a resultar na explosão", refere a procuradoria em comunicado.

Uma explosão programada de resíduos explosivos, realizada numa pedreira na aldeia de Pedreiras, em Sesimbra, provocou no dia 01 de junho de 2015 alarme público nas populações da península de Setúbal e na zona da Grande Lisboa, sobretudo Cascais, mas não causou vítimas.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE