Incêndios

UE promete ajudar região afetada em Portugal "o mais rapidamente possível"

17 | 07 | 2017   12.28H

O vice-presidente da Comissão Europeia afirmou hoje na Maia, Porto, que a candidatura de Portugal ao Fundo de Solidariedade da União Europeia para a região afetada pelos incêndios na região centro será tratada "o mais rapidamente possível".

"Quando tivermos o pedido na mesa prometo que será o mais rápido possível", afirmou Maros Sefcovic, em declarações aos jornalistas à margem de uma visita à Efacec Electric Mobility.

"Tudo depende de quando recebermos o pedido português. Assim que o recebermos, tentaremos fazê-lo [disponibilizar a ajuda financeira] o mais rapidamente possível", acrescentou o também comissário da Energia, questionado pelos jornalistas sobre o apoio da União Europeia (UE) para a recuperação da zona de Pedrógão Grande, onde os incêndios de junho provocaram 64 mortos e mais de 200 feridos e consumiram mais de 53 mil hectares.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE