Incêndios

Governo aceita fasear redução de novas áreas de plantação de eucaliptos

18 | 07 | 2017   00.06H

O Governo aceitou nas negociações com Bloco de Esquerda e PCP, para um acordo para a reforma da floresta, proceder a uma redução faseada da área de plantação de eucalipto ao longo de cinco anos.

Esta redução faseada da área para a plantação do eucalipto foi hoje transmitida à agência Lusa por fonte do executivo, que adiantou também que "prosseguem as negociações políticas com os parceiros de esquerda" [Bloco de Esquerda, PCP e Os Verdes"] para que seja possível na quarta-feira à tarde, em plenário, na Assembleia da República, a aprovação final global de diplomas para a reforma das florestas".

Na reforma florestal estão sobretudo em causa cinco diplomas provenientes do Governo: O regime jurídico de arborização e rearborização (relacionada com os eucaliptos); a criação de bancos de terras e do fundo de mobilização de terras; o regime de benefícios fiscais para entidades de gestão florestal; a formação de um sistema nacional de defesa da floresta; e o sistema de informação cadastral simplificado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE